ORIGEM DAS PALAVRAS: PROTAGONISTA

By Novembro 13, 2017#CasaDeAraruama
ORIGEM DAS PALAVRAS PROTAGONISTA

ORIGEM DAS PALAVRAS: PROTAGONISTA

Muita gente não sabe, mas além de atriz e dramaturga, eu sou formada em Filosofia. Não sou de ficar citando filósofos nos meus discursos, mas tenho a filosofia como um lugar de intimidade, um conhecimento que, brinco, internalizei nas minhas células e levarei para o resto da minha vida. Sou completamente apaixonada por A Poética, de Aristóteles, (na minha opinião o primeiro manual de roteiro do mundo) e bebo muito dessa fonte para criar meus personagens e também para refletir sobre o meu ofício enquanto artista.

Como sabemos, a Grécia Antiga é o grande berço da civilização ocidental. Foram os gregos que definiram, por exemplo, os conceitos daquilo que hoje entendemos por democracia, filosofia, e também dramaturgia – o meu trabalho diário. Naturalmente, muitas das palavras que utilizamos nos dias de hoje também têm origem ligada à sociedade grega e refletir sobre a origem delas é algo que gosto de fazer no meu dia a dia e um hábito que eu gostaria de compartilhar com vocês.

Dentro do universo da dramaturgia, a figura do protagonista é uma das mais importantes. A palavra vem do grego PROTAGONISTES. PROTO, em grego, significa o principal, e AGONISTES, o batalhador, aquele que vai enfrentar desafios, superações, provações. No filme O Amor não Tira Férias, da diretora Nancy Meyers, a personagem da atriz Kate Winslet é confrontada com a seguinte reflexão: durante anos, por conta de um amor não correspondido, atuou como coadjuvante no roteiro da própria vida e permanecia estagnada. A partir dessa análise, feita com ajuda do personagem interpretado pelo maravilhoso ator Eli Wallach, ela decide assumir o protagonismo da própria vida e virar o jogo.

Em resumo, o protagonista é aquele que assume o papel principal de uma jornada, cheia de desafios e superações, e que, no processo, passa por um desenvolvimento, chegando ao final melhor do que quando começou a caminhada. E aqui vai uma reflexão importante: ser protagonista não é ser melhor que os outros – ou tirar vantagem sobre outra pessoa -, mas ser a melhor versão de si mesmo, constantemente. Alguém que acredita em si e nos seus sonhos e vai atrás dos seus objetivos com afinco, foco e fé. E você, tem sido o protagonista da sua própria história?

 

Leave a Reply